Acordo Ambiental de SP e Estudo de Baixo Carbono. Novos projetos e termos de cooperação serão firmados durante o COP25, em Madri

CETESB ressalta compromisso com o meio ambiente e fala sobre a participação de empresas que têm papel voluntário na redução de emissões de gases de efeito estufa.

Acontece na próxima terça-feira (10), na Embaixada Brasileira em Madri, durante o COP25, a “Mesa Redonda COP25: o papel dos Governos Subnacionais na Implantação da Agenda 2030”.

O objetivo do encontro é divulgar internacionalmente a iniciativa do Acordo Ambiental de São Paulo e do Estudo de Baixo Carbono, desenvolvido com apoio do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), pela CETESB e por pesquisadores da Universidade de São Paulo (USP).

Acordo Ambiental de SP e Estudo de Baixo Carbono

Acordo Ambiental de SP e  Estudo de Baixo Carbono

A Presidente da CETESB, Patrícia Iglecias, disse que “o Estado de São Paulo, entendendo a importância de seu papel como governo subnacional, tem realizado um intenso trabalho na agenda climática.

O exemplo mais recente é o lançamento do Acordo Ambiental São Paulo.

Empresas e entidades dos setores público e privado fizeram ampla adesão que permite ao governo estadual identificar e estabelecer políticas públicas que visem o cumprimento do Acordo de Paris”.

Acordo Ambiental de SP e  Estudo de Baixo Carbono

O evento também terá as participações da Associação Brasileira de Empresas de Tratamento de Resíduos e Efluentes (ABETRE) e Associação Brasileira de Empresas de Limpeza Pública e Resíduos Especiais (ABRELPE).

Na ocasião, o presidente da ABETRE, Luiz Gonzaga Alves Pereira, assina convênio com a CETESB para o lançamento do Manifesto de Transporte de Resíduos On-line (MTR).

“Essa será uma iniciativa on-line que vai garantir a rastreabilidade dos
resíduos, incentivar seu correto tratamento e evitar a proliferação de lixões ilegais.

Desta forma, contribuiremos para reduzir o impacto dos resíduos sobre o clima e meio o ambiente”, explicou o presidente da ABETRE, Luiz Gonzaga.

O diretor-presidente da ABRELPE, Carlos Silva Filho, explicou: “Nós assinamos o Acordo São Paulo, assumindo metas concretas de redução de emissões de gases de efeito estufa em nome do setor de limpeza urbana e resíduos sólidos.

E, sob a coordenação da Cetesb, vamos apresentar na COP25 os casos
de sucesso que já estão em curso para o alcance do compromisso firmado”.

O evento vai contar com a presença de entidades internacionais da indústria e de governos subnacionais, além de público especializado.

Está programada a apresentação do Acordo Ambiental São Paulo, que foi lançado no Palácio do Governo de São Paulo em 29 de novembro passado, em uma iniciativa do Governo paulista, capitaneada pela CETESB/SIMA e pela Secretaria de Relações Internacionais (SRI), que reúnem empresas, instituições e municípios com ações voluntárias para reduzir emissões de gases de efeito estufa (GEEs), medidas de adaptação e ações  correlacionadas.

A Organização das Nações Unidas (ONU) abriu na segunda-feira
passada (02), a cúpula do clima – COP 25.

O evento ocorre até o dia 13 de dezembro e conta com líderes mundiais de quase 200 países, totalizando cerca de 29 mil pessoas.

Mais de 50 chefes de Estado comparecerão à COP 25, que tem como slogan
“Hora da Ação” (Time for Action).

Serviço

Evento: “Mesa redonda COP25: o papel dos governos
subnacionais na implantação da Agenda 2030”
Data: 10 de dezembro
Endereço: Setor Comercial da Embaixada do Brasil em Madri –
2o andar da Calle Almagro, 28 – Madri, Espanha.
Horário: das 17h às 19h.

Leia ainda Democratização no acesso aos espetáculos

Fonte Helô Aguieiras

 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here