Biglione faz Tributo a The Who e Led Zeppelin. Em formato acústico (violão, baixo acústico e bateria), guitarrista se apresenta no Rio Cello Encounter nos mesmos dias em que também participam a OSB e grandes solistas, como Colin Carr, e as sopranos Marilia Vargas e Marina Considera







Comemorando seus 25 anos de existência, o maior festival de violoncelos do país encerra sua programação do ano no próximo dia 19, não deixando também de homenagear o rock e suas vertentes. 

Nesta sexta, dia 16, o guitarrista Victor Biglione sobe ao palco da Sala Cecília Meireles, às 20h, com o Rio Cello Ensemble e acompanhado por Jorge Pescara (baixo) e Fábio Cezanne (bateria), apresentando o seu Tributo ao The Who, executando trechos da clássica ópera TOMMY. 

No mesmo dia, também se apresentam o grupo alemão de música eletrônica Aggregat, pela primeira vez no Brasil, e o Cello Jazz, com Gunther Tiedemann (cello).  

No domingo, dia 18, às 11h, o guitarrista e seu trio retornam ao mesmo palco para apresentar, também com o Rio Cello Ensemble, o Tributo a Led Zeppelin, inédito. No mesmo dia, o Rio Cello irá promover o “Violonsalada”, homenageando também Bach e Villa-Lobos, com os cellos da Orquestra Sinfônica Brasileira e grandes solistas, com Colin Carr e as sopranos  Marilia Vargas e Marina Considera.
Biglione faz Tributo a The Who e Led Zeppelin

RIO CELLO

Radicado e apaixonado pelo Brasil há 35 anos, o violoncelista David Chew, fundador do festival, mantém firme seu propósito de popularização da música clássica e de homenagear o maestro Villa-Lobos, sua maior inspiração.

“Nossa intenção é levar o poder de transformação social da música a espaços públicos e comunidades.

No início, era um encontro de violoncelistas, mas o projeto cresceu e hoje recebe diversos instrumentos e múltiplas linguagens artísticas.

Desta forma, o festival alcança seu principal objetivo que é incluir a música na vida diária de todas as pessoas”, declara o músico.

Em 25 anos, o festival já comprovou o seu sucesso, com recordes de público em eventos de música clássica no Brasil.

Os números impressionam: 550 mil espectadores, 12 mil músicos, 900 concertos, 650 horas de workshops e masterclasses.

Ao longo de sua extensa trajetória, o Rio Cello consolidou-se como uma grande plataforma multicultural no qual música, dança, poesia, artes plásticas e cinema que integram um evento de grande sofisticação artística e responsabilidade social.

SERVIÇO:

16 de Agosto (6ª feira), 20h – Sala Cecília Meirelles

Música Eletrônica

Aggregat

Daniel Sorour _ cello elétrico

Cello Jazz

Gunther Tiedemann cello

Rock n´ Cello

Victor Biglione Trio

V.Biglione _ arranjos e Guitarra; Jorge Pescara _ baixo ; Fabio Cezanne _ bateria)

Rio Cello Ensemble

18 de Agosto (domingo) , 11h – Sala Cecília Meirelles

Violonsalada – BACH-VILLA-LOBOS-LED ZEPPELIN

Colin Carr _ cello

Marina Considera _ soprano

Marília Vargas _ soprano

Victor Biglione trio (V.Biglione _ arranjos e Guitarra; Jorge Pescara – baixo ; Fabio Cezanne – bateria)

Rio Cello Ensemble

Sala Cecília Meirelles* _ Rua da Lapa, 47 – Centro

Ingressos: R$40,00 (inteira) / R$20,00 (meia-entrada)

Leia ainda O Grande Gatsby embala noite de gala do ICRJ no Rio

Artigo anteriorPedro Miranda é indicado a Revelação do Ano
Proximo artigoBanda Lo Ramma abre show do Hungria
Tania Voss
A jornalista Tania Voss tem 30 anos de carreira, trabalhou nos mais importantes veículos de comunicação do Brasil. Atua como repórter, editora, colunista social e assessora de imprensa. Notícias Populares, Folha de São Paulo, Popular da Tarde (Coluna do Gugu),Diário Popular, Jornal da Tarde, Revista Raça Brasil, Raça Visual, Cabelos, Antenada, Toda Teen, Revista Negro 100%, colunas em rádios e TVs, recebeu troféus e prêmios como revelação e destaque do ano, entre outros. Citação em livro-tese "O discurso da violência: as marcas da oralidade no jornalismo popular", por Ana Rosa Ferreira Dias Atualmente tem uma coluna musical no site cartão de visita do R7 e um blog Universo da Fama. Uma carreira totalmente ligada a área cultural, principalmente no meio artístico, em coberturas de festas, entrevistas, eventos sociais em geral, lançamentos e tudo mais. O glamour e os famosos fazem parte da vida e dia a dia da jornalista. Um luxo.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here