É preciso falar sobre o futuro da moda

Com apoio do Instituto C&A, Malha lança o relatório Era da Transição, em evento com muita informação, inovação e tendências de comportamento

Executivos, grandes e novas marcas, profissionais do setor têxtil, influenciadores e entusiastas da nova era da moda se reuniram no dia 25 de maio, para falar sobre os desafios de viver em um mundo novo – hiper conectado, aberto, líquido e rápido demais. O evento, organizado pela Malha e apoiado pelo Instituto C&A, faz parte do lançamento de seis relatórios que serão apresentados em bate-papos ao longo do ano e apresentarão o que há de mais inovador na moda sustentável e colaborativa.

André Carvalhal, cofundador da Malha, e Luísa Santiago, presidente da Ellen MacArthur Foundation no Brasil, conduziram a conversa e falaram sobre como as constantes mudanças no mercado e no comportamento do consumidor estão movimentando o mundo. O conteúdo apresentado faz parte do relatório Era de Transição, que está disponibilizado para consulta e download no site:www.malha.cc/cea/caderno.

“Esses insights que estamos disponibilizando são frutos do nosso processo de cocriação com os membros da Rede Malha e das observações que estamos colhendo na sociedade. Todo o conteúdo aborda quatro drivers principais: geração millenials, hiperconectividade, a sustentabilidade como sobrevivência e ativismo de marca”, destaca André Carvalhal, cofundador da Malha.

Carvalhal apresentou as principais tendências de consumo e também relatou parte dos cases que complementam o conteúdo. Além de contextualizar o que está por vir, o evento trouxe a reflexão de uma economia futura cada vez mais circular. Os conceitos difundidos pela Ellen MacArthur Foundation foram apresentados pela Luísa Santiago.

Além do detalhamento do relatório e das perspectivas econômicas, o evento abriu espaço para que alguns empreendedores apresentassem suas ações, como a Lucid Bag, que é a primeira comunidade de compartilhamento de moda consciente no Brasil. E também marcas incubadas pela Malha, como a Mig Jeans, que está reinventando peças usadas feitas do tecido.

Os demais temas – O Poder do Self – Narrativas Identitárias, O Poder dos Comuns – O Fim das Instituições, O Poder do Planeta – Novas Cadeias de Valor, O Poder das Máquinas – Tecnocracia e O Poder do Gênero – Sexualidade e Expressão – serão desdobrados em narrativas futuras únicas. O primeiro, Era da Transição, é o pilar central e a introdução para os demais. Os relatórios trazem cases, mapeamento de tendências e pesquisas qualitativas, feitos por uma equipe multidisciplinar e funcionam como capítulos de um livro.

“Acreditamos que a moda precisa ser repensada e, por isso, estamos trabalhando por transformações positivas do setor. O apoio do Instituto C&A à Malha quer colocar em pauta novas formas de consumir e produzir moda. Com certeza, esse debate é o início de uma discussão que deve ficar em evidência nos próximos anos”, conclui a gerente de matérias-primas sustentáveis do Instituto C&A, Margarida Curti Lunetta.

Sobre a Malha

A Malha é uma plataforma para o ecossistema da moda que conecta criadores, empreendedores, produtores, fornecedores e consumidores pela construção de uma moda sustentável, colaborativa, local e independente. Para isso, provemos os meios de produção e estimulamos a troca e a criação de conhecimento. Somos, ao mesmo tempo, um espaço de coworking e de cosewing, uma comunidade, uma escola e um laboratório de experimentação.

Sobre o Instituto C&A

O Instituto C&A atua na promoção de uma indústria da moda mais justa e sustentável no Brasil. A organização, que se integrou à C&A Foundation em 2015, foca suas ações em cinco áreas: Incentivo ao Algodão Sustentável, Melhores Condições de Trabalho, Combate ao Trabalho Forçado e ao Trabalho Infantil, Moda Circular e Fortalecimento de Comunidades. Nos seus 26 anos de história, apoiou projetos na área de educação, temática que seguirá apoiando até 2018. A instituição oferece apoio técnico e financeiro e atua em rede para permitir que organizações sociais, marcas e outros agentes de transformação construam uma indústria da moda melhor. Saiba mais em:www.institutocea.org.br.