Artista Plástico Dilson Cavalcanti é destaque no XXXIII Salão de Artes de Arceburgo em Minas Gerais

Arceburgo é um município brasileiro do estado de Minas Gerais que acolheu muitos imigrantes, principalmente os sírio-libaneses e italianos

A cidade tornou-se culturalmente conhecida por agregar monumentos históricos como a  igreja matriz de São João Batista, que é uma das referências postais do município .

Dilson Cavalcanti é destaque no XXXIII Salão de Artes

É nesse sentido que o Instituto de Arceburgo promove há 33 anos o evento oficial premiando artistas plásticos de todo o Brasil.

O Salão anual conseguiu um salão em 2014 e vem realizando o evento, desde então, no Instituto Histórico e Cultural de Arceburgo, cidade de Minas Gerais.

A seleção das obras e as premiações enriquecem o currículo do artista, dada a importância do salão, no Brasil, no campo das Artes.

Neste ano, as inscrições para o Salão de Arceburgo foram abertas a todos os artistas e, o artista plástico radicado em São Paulo – Dilson Cavalcanti , foi um dos selecionados a expor pela segunda vez seus trabalhos bem conhecidos na capital paulista.

Dilson Cavalcanti é destaque no XXXIII Salão de Artes
ARCEBURGO: INSTITUTO HISTÓRICO E CULTURAL DE ARCEBURGO
Rua Coronel Cândido de Souza Dias, 990
CEP 37820-000 – Arceburgo – MG. Fone: (35) 3556-2156.
e-mail: [email protected]
De segunda a sábado das 09:00h. às 11:00h, e das 12:30h. às 17:00h.

Sobre Dilson Cavalcanti

Dilson Cavalcanti

Dilson Cavalcanti é destaque no XXXIII Salão de Artes

Dilson Cavalcanti é destaque no XXXIII Salão de Artes
Dilson Cavalcanti – Artista Plástico
Dilson Cavalcanti é destaque no XXXIII Salão de Artes

É um Artista Plástico radicado em Sáo Paulo

Reconhecido pela arte abstrata, o pintor tem suas obras em Frankfurt (Alemanha), Alicante (Espanha) e Orlando (EUA).

De forma intuitiva, iniciou sua carreira há 12 anos e traz em seu DNA o talento e paixão pela arte.

O artista que sempre gostou da arte abstrata, a forma de compor cores e linhas e, expressar através delas, emoções e percepções.

No início de sua atividade como artista plástico Dilson Cavalcanti , que e empresário na capital paulista, usava pincel, tela e acrílico e, com o passar do tempo conquistou novas experiências, adquiriu e descobriu novas técnicas, através de estudos e pesquisas ao lado do pintor e professor Rubens Pontes.

Em sua trajetória, o artista plástico sempre evidenciou sua personalidade através de suas obras.

Do acrílico sobre tela, Dílson Cavalcanti buscou novas bases como cartolinas e papelão bem como técnicas com espátula e pintura sobre base lavada.

O resultado é um trabalho fluido, com cores transparentes, visual rico e impactante.

O resultado é um trabalho fluido, com cores transparentes, visual ri coe impactante que chegou a ser comparado com Jackson Pollok, pintor norte-americano, que foi referência no movimento do expressionismo abstrato.

Autodidata e criativo, o artista plástico Dilson Cavalcanti cria com a 
alma, extraindo da emoção as pinceladas que desvendam a sutil leveza e harmonia das cores.

Maiores informações: www.dilsoncavalcantifineart.com

5 COMMENTS

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here