De Luiz Carlos Lourenço

A cantora e atriz ELIANA PITTMAN  se apresentará em noite única e a preço popular, nesta quarta feira (amanhã, dia 23), a partir das 21 horas, no palco do BLUE NOTE RIO, na Lagoa.

Eliana Pittman canta no Blue Note Rio, homenageando Booker

Os maiores clássicos de jazz do seu repertório e prestando uma bela homenagem especial ao pai adotivo, BOOKER PITTMAN, responsável por seu batismo no mundo musical.

Em outubro deste ano, já faz 50 anos que  Booker fez sua passagem mas, segundo a artista, “ele continua sendo sempre o seu mentor musical”, assim como sua mãe, a inesquecível Ophelia Pittman, também falecida há bastante tempo.

Eliana Pittman canta no Blue Note Rio, homenageando Booker

Acompanhada dos músicos, Jimmy Santa Cruz (baixo), Sergio Pinheiro (teclados) e Helbe Machado (bateria), Dudú Vianna (teclados) e César Machado (bateria), a cantora interpretará canções dos maiores compositores de jazz, além de apresentar algumas surpresas neste novo e inédito espetáculo.  

Eliana nasceu no Rio de Janeiro em 1945, e teve como padrasto o saxofonista americano Booker Pittman, com quem conviveu desde pequena aprendendo a gostar tanto da música brasileira quanto da internacional.

Isto influenciou sua maneira de cantar, incorporando sempre um tom jazzista aos hits que interpreta.

Aos 72 anos de idade e 56 de carreira, a intérprete, que mora em Copacabana, em recente entrevista, afirmou divertir-se com a passagem do tempo que, para ela, tem apenas um inconveniente: “Só queria estar mais magra.

Todo mundo sabe minha idade, não me importo com isso, apesar de o Brasil não respeitar os idosos.

Mas todos vão poder ver que estou saudável e cheia de disposição. Comigo não tem tristeza”, diz, para logo elogiar seu bairro, “temos muitos oásis dentro de Copa, às vezes nem parece que estamos nesse agito.

Sem falar de nosso enorme ginásio a céu aberto que é a nossa praia, uma das mais belas do mundo.

Eliana Pittman canta no Blue Note Rio, homenageando Booker

UM MÚSICO EXCEPCIONAL

Booker Pittman nasceu nos Estados Unidos em Fairmount Heights – ou Dallas, em 3 de março de 1909 — Rio de Janeiro e faleceu no dia de outubro de 1969.

Fi um  grande saxofonista americano-brasileiro, considerado um dos cinco maiores instrumentistas do mundo na área.

Ele morreu aos 60 anos, depois de lutar por muito tempo contra um câncer.

Eliana Pittman canta no Blue Note Rio, homenageando Booker

Era filho de um arquiteto, Sidney Pittman e de Portia Pittman, professora de música, e neto de Booker T. Washington.

Tornou-se um saxofonista de jazz e tocou como Louis Armstrong e Count Basie, nos Estados Unidos e na Europa, nas décadas de 1920 e 1930.

Booker deixou os Estados Unidos pela primeira vez em 1933, quando foi com a orquestra de Lucky Millinder para a França, e lá permaneceu por quatro anos.

Durante esse período, ele conheceu um músico brasileiro chamado Romeu Silva, que o levou a uma excursão através do Brasil, juntamente com outros músicos. Foram para a Bahia a bordo do navio Siqueira Campos.

Em 1937, Booker mudou-se para o Brasil, onde ficou conhecido pelo apelido de “Buca”, e onde continuou sua carreira musical, tocando no Cassino da Urca, na cidade do Rio de Janeiro.

Ele viveu no bairro de Copacabana e fez amizade com Jorge Guinle e Pixinguinha.

Tocou também em outros países, como a Argentina.

Eliana Pittman canta no Blue Note Rio, homenageando Booker

Booker e Eliana Pittman

A cantora e atriz brasileira Eliana Pittman é sua enteada. De março a abril de 1966, Eliana e Booker apresentaram na TV Globo o programa Eliana e Booker Pittman, com uma hora de duração, e que buscava divulgar o jazz e o rhythm and blues no Brasil.

Ela apresentava-se cantando e ele tocando.

Morte

Booker Pittman morreu de câncer na laringe, com 60 anos de idade.

SERVIÇO

ELIANA PITTMAN

Dia 23/1/19 (quarta-feira)

21 horas

Pontos de venda:

Blue Note Rio

Avenida Borges de Medeiros, 1424 – Lagoa, Rio de Janeiro

Telefone: (21) 3799-2500

Mais informações: Telefone: (21) 3799-2500

Classificação: 18 anos


LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here