O que já era bom, agora ficou muito melhor

0
436
Caril de Camarões do Dida Bar-na midia-uiara zagolin

A invasão afro que Dida vem realizando, agora expandiu e os pratos que mais fizeram sucesso nas edições 

anteriores, entram no cardápio fixo do fim de semana.
Peixe Mãe Beata - Foto de Fabiana Cavalcante-na midia-uiara zagolin
Peixe Mãe Beata – Foto de Fabiana Cavalcante

As sugestões são incríveis, e 4 novos pratos entram no cardápio de todo o fim de semana (sábado e domingo). Começando com Peixe a Mãe Beata, o prato foi criado para homenagear a matriarca de várias famílias –  Sra. Beatriz Moreira Costa, leia-se Mãe Beata. A chef Dida apresentou pela 1ª vez, no dia 25 de julho, alusivo ao Dia Internacional da Mulher Negra Latino Americana e Caribenha, festejado no Dida Bar. E agradou em cheio, o peixe é assado com camarões e frutos do mar, o requinte especial fica por conta do molho e a farofa de coco, que dão o toque final. Acompanha arroz branco, serve até 2 pessoas​, por R$ 99,00

Caril de Camarões do Dida Bar-na midia-uiara zagolin
Caril de Camarões do Dida Bar

Caril de Camarões, o quitute virou um clássico na casa – é uma inspiração de Moçambique. Preparado com camarão, vem em molho espesso de tonalidade amarelada, com toques de açafrão, cominho, coentro e curry. Para tornar mais saboroso é servido no abacaxi. Por R$ 50.00 – individual

Galinha de Piri-piri - foto de Rozangela Silva-na midia-uiara zagolin
Galinha de Piri-piri – foto de Rozangela Silva

A Galinha de Pipi-piri, também está entre os mais pedidos – De origem Moçambicana

“Pipi-piri”, significa pimenta do diabo africano. Com sobrecoxas de frango marinada em molho feito de pimenta malagueta páprica, suco de limão e leite de coco. Assadas e servidas com arroz branco, banana frita e o molho de Pipi-piri. Por 38,00 – individual e para 2 pessoas, por R$ 68,00

Muamba de Galinha - Foto de Rozangela Silva-na midia-uiara zagolin
Muamba de Galinha – Foto de Rozangela Silva

E para fechar – Muamba de Galinha, a chef Dida, depois de um estudo minucioso sobre gastronomia africana, especificamente de Angola, entrou na cozinha e preparou o prato típico, com molho de amendoim, que constitui um dos pratos mais populares do país. O seu preparo envolve, galinha, óleo de palma, quiabos, gindungo, cebola e alho. A delícia será servida, por R$ 40,00 (individual) e por R$ 70,00 para 2 pessoas.

Os quitutes ganham ainda entradinha e sobremesa surpresa. É tudo muito convidativo.

Dida Afro, acontece sempre na terceira semana de cada mês – sábado e domingo, na Praça da Bandeira. Vem realizando uma grande invasão afro no Rio, é já virou um encontro obrigatório para descobertas de novos sabores. E a cada edição um pais africano é homenageado. E para a edição de setembro, dias 16 e 17 –  a República do Congo é a estrela, com uma iguaria que nos remete à um prato bem brasileiro. Vale dar uma conferida, vai se surpreender.  

Dida Bar e Restaurante

Rua Barão de Iguatemi, 408 / Praça da Bandeira
Telefone: 2504 0841

Aberto de: terça a sábado das 12h até 0h. E domingo: das 12h até 20h

Formas de Pagamento: Cartões de débito: Visa e Mastercard
Cartão de Credito: Visa e Mastercard / Ticket Restaurante / Sodexo / Alelo

Capacidade: 40 lugares sentados

 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here