Os fãs não conseguem entender. Vocalista da Turma do Pagode sobre o limite da invasão de privacidade

O grupo Turma do Pagode participa do Ritmo Brasil deste sábado (7).

Na conversa com a apresentadora Faa Morena, eles falam sobre o limite da privacidade e como a fama pode atrapalhar a vida pessoal.

“Você quer algo mais reservado quando está com sua família e as pessoas invadem esse momento em que você não está trabalhando”, diz o vocalista Leíz.

“O fã acha que eu tenho que ficar conversando com ele a noite toda ao invés de dar atenção para a pessoa que está comigo.

Essa invasão de privacidade que eles não conseguem entender”, justifica. 

Os fãs não conseguem entender
Os fãs não conseguem entender 1
 

A banda formada em 2001, na Zona Norte de São Paulo, hoje faz sucesso por todo o país.

Donos de hits que marcaram época como ‘Lancinho’ e ‘A Pessoa Certa’, os convidados relembram alguns perrengues que passaram no início da trajetória.

“Fomos fazer um show em Campo Grande e no caminho o ônibus quebrou.

Naquela época não tinha o luxo de andar de avião e a gente não conseguiu pegar nenhum outro [ônibus] , então ficamos esperando arrumar aquele e tivemos que ir direto para o show.

Tomamos aquele banho de gato com a água que tinha, passamos muito perfume e só”, relembram, aos risos.

 Lançado em outubro deste ano, o novo single ‘Muito Cedo’ – que conta com a participação da modelo Aline Riscado no clipe – já acumula mais de 1,5 milhão de visualizações no YouTube.

 O Ritmo Brasil vai ao ar aos sábados, às 19h30, na RedeTV!.

*Crédtio/Foto: Andrea Dallevo/Divulgação RedeTV!

Leia também     Falamansa fazendo o bem através da música

 
 
 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here