Pai de Neymar recebe crítica por “Falta de Decoro”

Sérgio Xavier Filho afirma que possível transferência do camisa 10 do Paris Saint-Germain pode ser prejudicial para o jogador dado o período que falta para a Copa do Mundo na Rússia

0
1072

Esta quarta-feira amanheceu com uma notícia quente diretamente da Espanha

Segundo o jornal “As”, o Real Madrid está interessado em pagar até R$ 1 bilhão para tirar Neymar do Paris Saint-Germain.

Autor da reportagem, o jornalista Fernando Kallás, contou no “Redação SporTV” os bastidores que levaram à publicação.

Mas a possibilidade de transferência do principal jogador da seleção brasileira não pegou bem na opinião de Sérgio Xavier Filho.

Para o comentarista, o fato de faltar pouco mais de um mês para a Copa do Mundo pode fazer com que o camisa 10 perca o foco.

Ele ainda criticou o pai do jogador, que agencia a carreira do atleta, por não blindar Neymar do assédio espanhol.

– Isso é hora de falar de negociação?

O Neymar talvez esteja até pensando só na Copa, mas o staff dele e o pai dele deixam isso acontecer e começam a conversar faltando um mês para a Copa.

Isso é um absurdo. É uma falta de decoro como pai. Não é hora de negociar isso. Tem hora, claro. E

le está se recuperando, ninguém sabe como vai se recuperar exatamente porque não entrou em campo ainda.

Agora deveria ser foco total. Ele não pode distrair a cabeça.

O Real está certo (em procurar), Florentino Pérez está certo. O Neymar é fundamental para o futuro do Real.

Mas a opinião de Sérgio Xavier Filho não foi unanimidade na bancada.

Marcelo Barreto e Camila Carelli, repórter da Rádio Globo, discordaram um pouco do comentarista.

Segundo ela, se o jogador for para o Real cerca de um ano depois da transferência para o PSG, muitos vão perguntar o motivo de não ter dado certo na França.

Além disso, ele pode ter dificuldade em se adaptar também a um time praticamente comandado por Cristiano Ronaldo.

– Essa é a pergunta que eu penso que vai ser feita para ele: “Por que não deu certo no PSG?”

Porque era um projeto para ele ser o líder, o principal jogador, para ele ser a menina dos olhos e não foi. Qual seria a justificativa? Não foi o que ele esperava?

E o Real vai ser nesse sentido? Não mesmo.

Porque tem um jogador que é “o dono” do time, é um cara que briga muito para que todo mundo dentro do time tenha o mesmo profissionalismo que ele.

É um nível de exigência ainda maior.

Fonte: Redação Sport Tv 

Leia também: Campanha McDia Feliz com Bia Passos e Fabio Ramalho

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here